Rendimento, umidade, aceitabilidade e preferência da tilápia submetida à defumação

Autores

  • Fábio M. da S. Santana Universidade Federal do Rio Grande do Norte
  • Leonardo B. G. de Lucena Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Cesar A. da S. Santana Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Bárbara C. da L. Silva Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Natália de M. Santana Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Karina S. G. de Melo Autônoma

DOI:

https://doi.org/10.5039/agraria.v5i3a862

Palavras-chave:

Agregação de valor, pescado, Oreochromis niloticus

Resumo

Por ser considerada uma espécie de grande importância para a aquicultura mundial, a Oreochromis niloticus (tilápia do Nilo) foi escolhida para a  realização deste experimento. O objetivo foi avaliar o rendimento, umidade, aceitação e preferência de exemplares desta espécie submetidos à defumação quente e líquida. O rendimento foi de 38,46 e 54,44% para o pescado espalmado defumado a quente e na forma líquida respectivamente.
A umidade observada nos tratamentos foi de 81,01% para os exemplares submetidos ao tratamento líquido e 69,30% para os tratados a quente. A análise sensorial revelou que ambos os tratamentos apresentaram boa aceitação, entretanto aqueles processados a quente foram preferidos. Portanto, a defumação, seja na forma tradicional ou líquida, é uma alternativa de agregação de valor a este pescado.

Biografia do Autor

Karina S. G. de Melo, Autônoma

 

 

 

Downloads

Publicado

2022-03-16

Edição

Seção

Engenharia de Pesca