Flutuação populacional de <i>Diatraea saccharalis</i> (Fabricius, 1794) (Lepidoptera – Crambidae) em cana-de-açúcar no município de União-PI

Autores

  • Gilson L. F. Portela Universidade Federal do Piauí
  • Luiz E. de M. Pádua Universidade Federal do Piauí
  • Rommel T. P. C. Branco Universidade Federal do Piauí
  • Ocimar de A. Barbosa Universidade Federal do Piauí
  • Paulo R. R. Silva Universidade Federal do Piauí

DOI:

https://doi.org/10.5039/agraria.v5i3a510

Palavras-chave:

Bioecologia de insetos, broca da cana-de-açúcar, pragas da cana-de-açúcar

Resumo

A broca da cana-de-açúcar, Diatraea saccharalis (Fabricius, 1794), (Lepidoptera: Crambidae), é a principal praga da cana-de-açúcar no Brasil. O objetivo deste trabalho foi avaliar a flutuação populacional de D. saccharalis em cana-de-açúcar e sua correlação com os fatores climáticos. As observações foram efetuadas na usina da Companhia Vale do Parnaíba (COMVAP), pertencente ao Grupo Olho D’água, localizado no município de União – PI. Foram avaliadas temperatura média do ar, temperatura máxima do ar, temperatura mínima do ar, umidade relativa do ar, vento, insolação, precipitação pluviométrica e pressão atmosférica durante o ano de 2007. Os dados meteorológicos foram submetidos à análise de correlação de Pearson (r). O pico populacional da broca ocorreu em junho e a análise dos dados mostrou que a temperatura mínima apresentou correlação negativa em relação ao número de adultos coletados (r = - 0,733, p = 0,006) e a pressão atmosférica mostrou correlação positiva (r = 0,6759, p = 0,0158).

Biografia do Autor

Paulo R. R. Silva, Universidade Federal do Piauí

 

 

Downloads

Publicado

2022-03-16

Edição

Seção

Agronomia