Seleção de clones de cupuaçuzeiro visando qualidade de fruto

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5039/agraria.v17i2a1948

Palavras-chave:

composição química, seleção clonal, qualidade do fruto, frutífera nativa, Theobroma grandiflorum

Resumo

Este estudo visou avaliar a potencialidade de genótipos de cupuaçuzeiro embasando-se na caracterização física do fruto e físico-química da polpa. Foram empregados clones de cupuaçuzeiro oriundos de um ensaio de campo instalado no município de Tomé Açu, Pará, Brasil. Os dados obtidos com a caracterização foram submetidos à análise de variância univariada e multivariada pelos métodos de componentes principais, redes de correlações e estabelecida a divergência entre os genótipos. Os resultados demonstraram que o clone 46 apresentou as maiores massas de semente e polpa, além de frutos que se destacaram no comprimento médio, quando comparados aos clones 32 e 61. Em relação aos teores de vitamina C, os clones 46, 61, 63 foram superiores em relação aos demais genótipos estudados. Esses mesmos clones, juntamente com o 32 apresentaram valores superiores ao padrão de referência de qualidade proposto pela legislação vigente. Dessa forma, os clones testados apresentaram características adequadas tanto para mercado de polpa (46, 61 e 64) quanto para a indústria de cupulate (32, 42 e 46), com índices de qualidade de polpa superiores aos determinados pela legislação brasileira.

Downloads

Publicado

2022-05-11

Edição

Seção

Agronomia