Rendimento e índices fenológicos de trigo afetados por fertilização exógena de zinco e ferro

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5039/agraria.v15i1a7730

Palavras-chave:

produtividade de grãos, crescimento, micronutrientes, Triticum aestivum

Resumo

Os micronutrientes (zinco e ferro) desempenham um papel vital no funcionamento de todos os organismos vivos. Estes nutrientes são indispensáveis para a nutrição e desenvolvimento das plantas - embora necessários em pequena quantidade. O atual trabalho da pesquisa foi realizado na Agronomy Research Farm, Universidade da Agricultura Peshawar no inverno, 2015-2016. Combinações de níveis de Zn aplicados no solo (5, 10, 15 e 20 kg ha-1) e Fe (5, 10, 15 e 20 kg ha-1) com um controle foram distribuídas aleatoriamente para as unidades experimentais usando o delineamento experimental em blocos ao acaso. Os resultados mostraram que dias para antese, altura de planta, perfilhos produtivos, componentes de produção e rendimento biológico de trigo foram significativamente influenciados pelas doses de Zn e Fe. As parcelas enriquecidas com 15 kg Zn ha-1 e 10 kg Fe ha-1 apresentaram maiores rendimentos de grãos (3775 e 3802 kg ha-1, respectivamente). Os resultados mostraram que a interação para Zn e Fe foi significativa para dias a antese. Concluiu-se que as parcelas adubadas com 15 kg de Zn ha-1 e 10 kg de Fe ha-1 resultaram uma produção melhor dos componentes. Assim, a adubação de parcelas com 15 kg de Zn ha-1 e 10 kg de Fe ha-1 é recomendada para melhorar o rendimento de trigo na condição agroclimática de Peshawar.

Downloads

Publicado

2021-03-01

Edição

Seção

Agronomia