Azospirillum brasilense e Stimulate® favorecem o crescimento inicial do trigo semeado em maiores profundidades? - DOI:10.5039/agraria.v14i1a5604

Tiago Zoz, Eduardo Pradi Vendruscolo, Travis Wilson Witt, Carlos Eduardo da Silva Oliveira, Jardel Zoz, André Zoz

Resumo


A semeadura da cultura do trigo é um processo delicado tendo em vista o tamanho reduzido de sua semente. Erros no ajuste da profundidade de semeadura desta cultura podem resultar em prejuízos para o estabelecimento e crescimento inicial da cultura. Este estudo teve por objetivo avaliar a influência da relação entre a inoculação com Azospirillum brasilense, o tratamento com Stimulate® e a profundidade de semeadura sobre a emergência e o crescimento inicial de plantas de trigo. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso com quatro repetições, em esquema fatorial 4 x 4. O primeiro fator foi constituído pelos seguintes tratamentos: i) inoculação de sementes com A. brasilense, ii) tratamento de sementes com Stimulate®, iii) inoculação de sementes com A. brasilense associado ao tratamento de sementes com Stimulate® e iv) sem inoculação e tratamento de sementes. O segundo fator foi constituído por quatro profundidades de semeadura, sendo: 1,0; 3,0; 5,0 e 7,0 cm. O tratamento de sementes com Stimulate® favorece o maior acúmulo de massa seca de colmo em plantas de trigo quando semeado em maiores profundidades. A semeadura em maiores profundidades, até 7,0 cm, tem como consequência o atraso na emergência plântulas e, a redução do número de afilhos e acúmulo de massa seca em plantas de trigo.

Palavras-chave


fixação biológica; bactéria diazotrófica; emergência; afilho; Triticum aestivum L.

Texto completo:

PDF (English)

Referências


Abati, J.; Brzezinski, C.R.; ZucarelI, C.; Henninh, F.A.; Alves, V.F.N.; Garcia, V.V. Qualidade fisiológica de sementes de trigo tratadas com biorregulador em condições de restrição hídrica. Informativo Abrates, v.24, n.1, p.32-36, 2014. https://www.abrates.org.br/img/informations/2e657a36-8464-406e-abc6-4e00b0db458_IA%20v24%20n1.pdf. 22 Jun. 2018.

Abbasi, K.; Mir-Mahmoodi, T.; Jalilnezhad, N. Effects of Azospirillum bacteria and cytokinin hormone on morphology, yield and yield components of corn (Zea mays L.). International Journal of Biosciences, v.6, n.3, p.378-386, 2015. https://doi.org/10.12692/ijb/6.3.378-386.

Alam, M.S.; Sultana, M.S.; Hossain, M.B.; Salahin, M.; Roy, U.K. Effect of sowing depth on the yield of spring wheat. Journal of Environmental Science and Natural Resources, v.7, n.1, p.277-280, 2014. https://doi.org/10.3329/jesnr.v7i1.22184.

Báez-Perez, A.; González-Molina, L.; Moya, E.S.; Bautista-Cruz, A.; Bernal-Alarcón, M.L.A. Efecto de la aplicación del ácido indol-3-butiríco en la producción y calidad de trigo (Triticum aestivum L.). Revista Mexicana de Ciencias Agrícolas, v.6, n.3, p.523-537, 2015. http://www.scielo.org.mx/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2007-09342015000300007. 18 Jun. 2018.

Bartchechen, A.; Fiori, C.C.L.; Watanabe, S.H.; Guarido, R.C. Efeito da inoculação de Azospirillum brasiliense na produtividade da cultura do milho (Zea mays L). Campo Digit@l, v.5, n.1, p.56-59, 2010. http://revista2.grupointegrado.br/revista/index.php/campodigital/article/view/982/353. 10 Jun. 2018.

Benincasa, M.M.P. Análise de crescimento de plantas (noções básicas). Jaboticabal: FUNEP, 2003. 41p.

Calvo, P.; Nelson, L.; Kloepper, J.W. Agricultural uses of plant biostimulants. Plant Soil, v.383, n.1-2, p.3-41, 2014. https://doi.org/10.1007/s11104-014-2131-8.

Castro, P.R.C.; Serciloto, C.M.; Pereira, M.A.; Rodrigues, J.L.M.; Rossi, G. Agroquímicos de controle hormonal, fosfitos e potencial de aplicação dos aminoácidos na agricultura tropical. Piracicaba: ESALQ, 2009. 83p.

Cohen, A.C.; Bottini, R.; Pontin, M.; Berli, F.J.; Moreno, D.; Boccanlandro, H.; Travaglia, C.N.; Piccoli, P.N. Azospirillum brasilense ameliorates the response of Arabidopsis thaliana to drought mainly via enhancement of ABA levels. Physiologia plantarum, v.153, n.1, p.79-90, 2015. https://doi.org/10.1111/ppl.12221.

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa. Informações Técnicas para Trigo e Triticale - Safra 2017. Brasília: Embrapa, 2017. 240p.

Garcia, R.A.; Gazola, E.; Merlin, A.; Vilas Boas, R.L.; Crusciol, C.A.C. Crescimento aéreo e radicular de arroz de terras altas em função da adubação fosfatada e bioestimulante. Bioscience Journal, v.25, n.4, p.65-72, 2009. http://www.seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6956/4609. 22 Jun. 2018.

Hager, A.S.; Mäkinen, O.E.; Arendt, E.K. Amylolytic activities and starch reserve mobilization during the germination of quinoa. European Food Research and Technology, v.239, n.4, p.621-627, 2014. https://doi.org/10.1007/s00217-014-2258-0.

Han, C.; Zhen, S.; Zhu, G.; Bian, Y.; Yan, Y. Comparative metabolome analysis of wheat embryo and endosperm reveals the dynamic changes of metabolites during seed germination. Plant Physiology and Biochemistry, v.115, n.1, p.320-327, 2017. https://doi.org/10.1016/j.plaphy.2017.04.013.

Hussen, S.; Alemu, B.; Ahmed, F. Effect of Planting Depth on Growth Performance of Maize (Zea mays) at the Experimental Site of Wollo University, Dessie, Ethiopia. International Journal of Sciences: Basic and Applied Research, v.8, n.1, p.10-15, 2013. http://gssrr.org/index.php?journal=JournalOfBasicAndApplied&page=article&op=view&path%5B%5D=1103&path%5B%5D=1100. 10 Jul. 2018.

Klein, V.A.; Massing, J.P.; Biasuz Jr., I.J.; Marcolin, C.D.; Vieira, M.L. Velocidade de semeadura de trigo sob sistema plantio direto. Revista de Ciências Agroveterinárias, v.7, n.2, p.150-156, 2008. http://revistas.udesc.br/index.php/agroveterinaria/article/view/5343/3549. 22 Jun. 2018.

Labouriau, L.G. A germinação das sementes. Washington: Secretaria Geral da Organização dos Estados Americanos, 1983. 174p.

Liu, J.; Luo, W.; Qin, N.; Ding, P.; Zhang, H.; Yang, C.; Mu, Y.; Tang, H.; Liu, Y.; Li, W.; Jiang, Q.; Chen, G.; Wei, Y.; Zheng, Y.; Liu, C.; Lan, X.; Ma, J. A 55 K SNP array-based genetic map and its utilization in QTL mapping for productive tiller number in common wheat. Theoretical and Applied Genetics, v.131, n.1, p.1-12, 2018. https://doi.org/10.1007/s00122-018-3164-9.

Maguire, J.D. Speed germination-aid in selection and evaluation for seedling emergence and vigor. Crop Science, v.2, n.2, p.176-177, 1962. https://doi.org/10.2135/cropsci1962.0011183X000200020033x.

Moterle, L.M.; Santos, R.F.; Scapim, C.A.; Braccini, A.L.; Bonato, C.M.; Conrado, T. Efeito de biorregulador na germinação e no vigor de sementes de soja. Revista Ceres, v.58, n.5, p.651-660, 2011. https://doi.org/10.1590/S0034-737X2011000500017.

Pacheco, L.P.; Pires, F.R.; Monteiro, F.P.; Procópio, S.O.; Assis, R.L.; Petter, F.A. Profundidade de semeadura e crescimento inicial de espécies forrageiras utilizadas para cobertura do solo. Ciência e Agrotecnologia, v.34, n.5, p.1211-1218, 2010. https://doi.org/10.1590/S1413-70542010000500019.

Reis, E.F.; Moura, J.R.; Delmond, J.G.; Cunha, J.P.A.R. Características operacionais de uma semeadora-adubadora de plantio direto na cultura da soja (Glycine max (L.) Merril). Revista Ciências Técnicas Agropecuárias, v.16, n.3, 2007. http://www.redalyc.org/pdf/932/93216315.pdf. 07 Jul. 2018.

Rodrigues, L.F.O.S.; Guimarães, V.F.; Silva, M.B.; Pinto Junior, A.S.; Klein, F.; Costa, A.C.P.R. Características agronômicas do trigo em função de Azospirillum brasilense, ácidos húmicos e nitrogênio em casa de vegetação. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v.18, n.1, p.21-37, 2014. https://doi.org/10.1590/S1415-43662014000100005.

Stets M.I.; Alqueres S.M.C.; Souza E.M.; Pedrosa F.D.O.; Schmid M.; Hartmann A.; Cruz L.M.; Quantification of Azospirillum brasilense FP2 bacteria in wheat roots by strain-specific quantitative PCR. Applied Environmental Microbiology, v.81, n.19, p.6700 –6709, 2015. https://doi.org/10.1128/AEM.01351-15.

Taiz, L.; Moller, I.M.; Murphy, A.; Zeiger, E. Fisiologia e desenvolvimento vegetal. 6.ed. Porto Alegre: Artmed, 2017. 888p.

Vendruscolo, E.P.; Souza, E.J.; Lima, S.F.; Santos, O.F. Resposta do algodoeiro a diferentes doses de bioestimulante aplicado via semente. Agrarian, v.11, n.39, p.32-41, 2018. https://doi.org/10.30612/agrarian.v11i39.3574.

Vogel, G.F.; Martinkoski, L.; Jadoski, S.O.; Fey, R. Efeito da combinação de Azospirillum brasilense com fungicidas no desenvolvimento de trigo. Brazilian Journal of Applied Technology for Agricultural Science, v.8, n.3, p.73-80, 2015. https://doi.org/10.5935/PAeT.V8.N3.08.

Wang, H.; Cutforth, H.; McCaig, T.; McLeod, G.; Brandt, K.; Lemke, R.; Goddard, T.; Sproud, C. Predicting the time to 50% seedling emergence in wheat using a Beta model. Wageningen Journal of Life Sciences, v.57, n.1, p.65-71, 2009. https://doi.org/10.1016/j.njas.2009.07.003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Tiago Zoz, Eduardo Pradi Vendruscolo, Travis Wilson Witt, Carlos Eduardo da Silva Oliveira, Jardel Zoz, André Zoz

SCImago Journal & Country Rank

Google Scholar

2018

h5 index: 12

h5 median: 14

Mais detalhes

Revista Brasileira de Ciências Agrárias (Agrária)

ISSN (ON LINE) 1981-0997

Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação

Universidade Federal Rural de Pernambuco

Rua Dom Manoel de Medeiros, s/n, Dois Irmãos Recife-Pernambuco-Brasil 52171-900

agrarias.prppg@ufrpe.br

secretaria@agraria.pro.br

 Licença Creative Commons
Todo o conteúdo da Agrária, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma licença Creative Commons.