Acúmulo de carbono e idade técnica de desbaste do componente arbóreo em sistemas agroflorestais - DOI:10.5039/agraria.v13i2a5526

Paulo Henrique Villanova, Laercio Antônio Gonçalves Jacovine, Carlos Moreira Miquelino Eleto Torres, Eliana Boaventura Bernardes Moura Alves, Silvio Nolasco de Oliveira Neto, Helio Garcia Leite, Bruno Leão Said Schettini, Samuel José Silva Soares da Rocha

Resumo


Os sistemas agroflorestais (SAFs) são considerados grandes sumidouros de gases de efeito estufa (GEE) da atmosfera. No entanto, pouco se conhece sobre a dinâmica de acúmulo de carbono nos indivíduos arbóreos ao longo dos anos e a Idade Técnica de Desbaste (ITB) para potencializar a mitigação dos GEE. O objetivo do estudo foi prognosticar o acúmulo de carbono e determinar a idade técnica de desbaste do componente arbóreo em 3 SAFs no município de Viçosa – MG. O Sistema A é composto por eucalipto (Eucalyptus saligna) + pastagem (Brachiaria decumbens) e os Sistemas B e C com eucalipto (Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis) + pastagem (Brachiaria decumbens). Empregou-se os modelos Gompertz e Logístico para projetar o volume e carbono. A ITB foi determinada baseando-se na máxima produtividade em volume de madeira por unidade de área. O valor assintótico da curva dos sistemas A, B e C foi de 450, 221 e 226 m3 ha-1 para volume e 104, 51 e 52 MgC ha-1 para carbono, respectivamente. A estabilização do acúmulo de carbono ocorrerá próximo aos 100 meses para os sistemas A e B e aos 80 meses para o sistema C. Como a ITB variou de 64 a 80 meses, recomenda-se o desbaste previamente a esta idade para favorecer o acúmulo de carbono dos indivíduos arbóreos remanescentes.

Palavras-chave


lavoura-pecuária-floresta; crescimento; modelagem; produção; prognose

Texto completo:

PDF (English)

Referências


Alvares, C.A.; Stape, J.L.; Sentelhas, P.C.; Moraes, G. de; Leonardo, J.; Sparovek, G. Köppen's climate classification map for Brazil. Meteorologische Zeitschrift, v. 22, n. 6, p. 711-728, 2013. https://doi.org/10.1127/0941-2948/2013/0507.

Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT. Normas técnicas NBR 11941. Brasília: ABNT, 2003. 5p.

Barbosa, R.A. Crescimento de clone de eucalipto em espaçamentos amplos com variação na distância entre plantas na linha de plantio. Viçosa: Universidade Federal de Viçosa, 2015. 37p. Dissertação Mestrado. http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/7298. 22 Jun. 2017.

Binoti, M.L.M.S.; Leite, H.G.; Binoti, D.H.B.; Gleriani, J.M. Prognose em nível de povoamento de clones de eucalipto empregando redes neurais artificiais. Cerne, v. 21, n. 1, p. 97-105, 2015. https://doi.org/10.1590/01047760201521011153.

Brasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Plano setorial de mitigação e de adaptação às mudanças climáticas para a consolidação de uma economia de baixa emissão de carbono na agricultura. Brasília, DF: MAPA; ACS, 2012. 173p. http://www.agricultura.gov.br/assuntos/sustentabilidade/plano-abc/arquivo-publicacoes-plano-abc/download.pdf. 26 Mai. 2017.

Campos, J.C.C.; Leite, H.G. Mensuração florestal: perguntas e respostas. Viçosa: Editora UFV, 2013. 605p.

Golfari, L. Zoneamento ecológico do estado de Minas Gerais para reflorestamento. Belo Horizonte: Centro de Pesquisa Florestal da Região do Cerrado, 1975. 65p.

Grace, J.; Mitchard, E.; Gloor, E. Perturbations in the carbon budget of the tropics. Global Change Biology, v. 20, n. 10, p. 3238–3255, 2014. https://dx.doi.org/10.1111/gcb.12600.

Lopes, P.F. Modelo de distribuição de diâmetros para clones de eucalipto em sistema agroflorestal. Viçosa: Universidade Federal de Viçosa, 2007. 42p. Dissertação Mestrado. http://locus.ufv.br/handle/123456789/2966. 07 Jun. 2017.

Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações - MCTIC. Estimativas anuais de emissões de gases de efeito estufa no Brasil. 3.ed. Brasília: MCTIC, 2016. 83p. http://sirene.mcti.gov.br/documents/1686653/1706227/LIVRO_MCTIC_EstimativaDeGases_Publica%C3%A7%C3%A3o_210x297mm_FINAL_WEB.pdf/61e78a4d-5ebe-49cd-bd16-4ebca30ad6cd. 22 Jun. 2016.

Müller, M.D.; Fernandes, E.N.; Castro, C.R.T.; Paciullo, D.S.C.; Alves, F.F. Estimativa de acúmulo de biomassa e carbono em sistema agrossilvipastoril na Zona da Mata Mineira. Pesquisa Florestal Brasileira, v. 1, n. 60, p. 11-17, 2009. https://doi.org/10.4336/2009.pfb.60.11.

Nair, P.K.R. An Introduction to agroforestry. Dordrecht: Kluwer Academic Publishers, 1993. 499 p.

Ofugi, C.; Magalhães, L.L.; Melido, R.C.N.; Silveira, V.P. Integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF), sistemas agroflorestais (SAFs). In: Trecenti, R.; Oliveira, M.C.; Hass, G. (Eds.). Integração lavoura-pecuária-silvicultura: boletim técnico. Brasília: MAPA, 2008. p. 20-25.

Oliveira Neto, S.N.; Paiva, H. N. Implantação e manejo do componente arbóreo em sistema agrossilvipastoril. In: Oliveira Neto, S. N.; Vale, A. B.; Nascif, A. P.; Vilar, M. B.; Assis, J. B. (Orgs.). Sistema agrossilvipastoril - integração lavoura, pecuária e floresta. Viçosa: Editora Arka, 2010. v. 1, p. 15-68. http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/3307. 26 Mai. 2017.

Oliveira Neto, S. N.; Reis, G. G.; Reis, M. G. F.; Leite, H. G. Arranjos estruturais do componente arbóreo em sistema agrossilvipastoril e seu manejo por desrama e desbaste. Informe Agropecuário, v. 31, n. 257, p. 47-58, 2010. http://www.epamig.br/download/informe-agropecuario-257-integracao-lavoura-pecuaria-floresta-2010/#. 12 Jun. 2017.

Paula, R.R.; Reis, G.G.; Reis, M.G.; Neto, S.N.O.; Leite, H.G.; Melido, R.C.N.; Lopes, H.N. S.; Souza, F.C. Eucalypt growth in monoculture and silvopastoral systems with varied tree initial densities and spatial arrangements. Agroforestry systems, v. 87, n. 6, p. 1295-1307, 2013. https://doi.org/10.1007/s10457-013-9638-5.

Ramos, A.M.; Santos, L.A.R.D.; Fortes, L.T.G. Normais climatológicas do Brasil 1961-1990. Brasília: INMET, 2009. 465p.

Ratkowsky, D.A. Nonlinear regression modeling: a unified practical approach. New York: Marcel Dekker, 1983. p. 61-73.

Resende, R.R.; Vale, A.B.; Soares, T.S.; Silva, M.L.; Couto, L.; Vale, R.S. Emprego de um modelo de crescimento e produção para determinação da rotação em povoamentos de eucalipto. Revista Árvore, v. 28, n. 2, p. 219-225, 2004. https://doi.org/10.1590/S0100-67622004000200008.

Salles, T.T.; Leite, H.G.; Oliveira Neto, S.N.; Soares, C.P.B.; Paiva, H.N.; Santos, F.L. Modelo de Clutter na modelagem de crescimento e produção de eucalipto em sistemas de integração lavoura‑pecuária‑floresta. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 47, n. 2, p. 253-260, 2012. https://doi.org/10.1590/S0100-204X2012000200014.

Seber, G.A.F.; Wild, C.J. Nonlinear regression. New York: John Wiley, 1989. 792p.

Silva, J.V.; Nogueira, G.S.; Santana, R.C.; Leite, H.G.; Oliveira, M.L.R.; Almado, R.P. Produção e acúmulo de nutrientes em povoamento de eucalipto em consequência da intensidade do desbaste e da fertilização. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 47, N. 11, p. 1555-1562, 2012. https://doi.org/10.1590/S0100-204X2012001100001.

Souza, A. N. Crescimento, produção e análise econômica de povoamentos clonais de Eucalyptus sp em sistemas agroflorestais. Lavras: Universidade Federal de Lavras, 2005. 203p. Tese Doutorado. http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4054. 29 Mar. 2017.

Torres, C.M.M.E.; Oliveira, A.C.; Pereira, B.L.C.; Jacovine, L.A.G.; Oliveira Neto, S. N. de; Carneiro, A.D.C.O.; Torres, C.M.M.E. Estimativas da produção e propriedades da madeira de eucalipto em Sistemas Agroflorestais. Scientia Forestalis, v. 49, n. 109, p. 137-148, 2016. https://doi.org/10.18671/scifor.v44n109.13.

Tsukamoto Filho, A.D.A.; Couto, L.; Neves, J.; Passos, C.; Silva, M.D. Fixação de carbono em um sistema agrossilvipastoril com eucalipto na região do Cerrado de Minas Gerais. Agrosilvicultura, v. 1, n. 1, p. 29-41, 2004. http://www.sbag.org.br/03-SBAG-v1-n1-2004-29-41.pdf. 10 Jun. 2017.

Vital, B.R. Métodos de determinação da densidade da madeira. Viçosa: Sociedade de Investigações Florestais, 1984. 21p. http://www.eucalyptus.com.br/artigos/outros/1984_Metodos_determinacao_densidade.pdf. 29 Mar. 2017.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Paulo Henrique Villanova, Laercio Antônio Gonçalves Jacovine, Carlos Moreira Miquelino Eleto Torres, Eliana Boaventura Bernardes Moura Alves, Silvio Nolasco de Oliveira Neto, Helio Garcia Leite, Bruno Leão Said Schettini, Samuel José Silva Soares da Rocha

SCImago Journal & Country Rank

Google Scholar

2018

h5 index: 12

h5 median: 14

Mais detalhes

Revista Brasileira de Ciências Agrárias (Agrária)

ISSN (ON LINE) 1981-0997

Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação

Universidade Federal Rural de Pernambuco

Rua Dom Manoel de Medeiros, s/n, Dois Irmãos Recife-Pernambuco-Brasil 52171-900

agrarias.prppg@ufrpe.br

secretaria@agraria.pro.br

 Licença Creative Commons
Todo o conteúdo da Agrária, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma licença Creative Commons.