Análise genética em uma população intraespecífica de amendoim baseada em descritores fenotípicos - DOI:10.5039/agraria.v4i3a4

Manuela Maria Cavalcante Granja, Péricles Albuquerque Melo Filho, Roseane Cavalcanti Santos

Resumo


Vinte e nove linhagens intra-específicas de amendoim, geradas a partir dos parentais BR 1 (Arachis hypogaea subsp. fastigiata, grupo Valência) e Florunner (A. hypogaea subsp. hypogaeae, grupo Virgínia) foram avaliadas quanto à similaridade por meio de dez descritores agronômicos. Os parentais e as linhagens foram cultivados em campo, na estação das águas, em Recife (PE). Todos os descritores foram registrados na colheita com exceção da data de floração que foi registrada quando o evento ocorreu.  A metodologia estatística utilizada foi a análise de agrupamentos. Os dados foram processados pelo aplicativo computacional GENES, versão 2007. Cinco agrupamentos foram gerados, dentre eles, o primeiro, constituído por 61% de linhagens rasteiras, foi o de maior contribuição para os trabalhos de melhoramento da cultura.


Palavras-chave


Arachis, hibridação, variabilidade, melhoramento genético

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Manuela Maria Cavalcante Granja, Péricles Albuquerque Melo Filho, Roseane Cavalcanti Santos

SCImago Journal & Country Rank

Google Scholar

2020

h5 index: 11

h5 median: 12

Mais detalhes

“Este periódico é filiado à

Revista Brasileira de Ciências Agrárias (Agrária)

ISSN (ON LINE) 1981-0997

Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação

Universidade Federal Rural de Pernambuco

Rua Dom Manoel de Medeiros, s/n, Dois Irmãos Recife-Pernambuco-Brasil 52171-900

agrarias.prppg@ufrpe.br

secretaria@agraria.pro.br

 Licença Creative Commons
Todo o conteúdo da Agrária, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma licença Creative Commons.